Angical - Cultura do Oeste perde um ícone, morreu Aldo Diniz

O músico Aldo Diniz, 90 anos,  morreu na tarde deste sábado no Hospital do Oeste em Barreiras, onde foi internado depois de complicações de saúde. O sepultamento aconteceu na tarde deste domingo no cemitério da cidade de Angical.

Mesmo com a idade já avançada, o saxofonista continuava se apresentando, animando diversos tipos de eventos.

Nas redes sociais diversas pessoas homenagearam foram prestadas a Aldo Diniz, uma delas, publicamos a seguir:

"Angical se despede do seu mais ilustre ícone musical.🎷"A música de repente ficou muda, um som melancólico em tom menor paira em silêncio de cortejo, um Sax encostado ao canto solitário e frio. O seu dono hoje partiu. Ouvi-se agora um coral de anjos convidando mais um maestro para a regência celeste. Fica aqui a saudade do seu sopro sinfônico inconfundível. Obrigado Aldo Diniz, por contribuir para nossa música e cultura, eterna gratidão"   Arles Sales

 

Fotos; Redes sociais

Enviar comentário

voltar para NOTíCIAS

left show fwB tsN center|tsN fwB fsN center|show fwB fsN normalcase tsN center|bnull||image-wrap|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase b01 bsd|news login fwR uppercase b01 c05 bsd|tsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase|content-inner||